Documento sem título
  Segurança Pública e Direitos Humanos
 
Documento sem título
Associação de Oficiais Militares
CESeC
Fórum Brasileiro de Segurança
Forum de Segurança Pública
Governo estadual
Guarda Municipal do Rio de Janeiro
IBCCRIM
Instituto de Advocacia Racial e Ambiental
Instituto de Filosofia e Ciências Humanas
ISP
LeMetro
NECVU
NUFEP / UFF
NUPEVI
Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro
Polícia Federal
Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro
Rede Nacional Direitos Humanos
Rio de Paz
SEAP
Viva Rio
 
 O Dia
Veja + 
 Globo On
Veja + 
Folha ONLINE
Veja + 
 
 
Documento sem título
CONTROLE DA CRIMINALIDADE E SEGURANÇA PÚBLICA

Autor: Jorge da Silva
Cidade: Rio de Janeiro
Editora: Forense- tel: (55 21) 3380-6650
Ano: 1990
Edição: 2ª
Páginas: 241

 

Nas discussões sobre a criminalidade tem prevalecido a ótica dos profissionais e especialistas que lidam com criminosos consumados, colhidos pelo Sistema Criminal. É, pois, perfeitamente compreensível que se focalize com luzes fortes o criminoso, e nem sempre o fenômeno do crime.
Com outra ótica, voltados para os aspectos sócio-econômico-políticos da questão, sociólogos, cientistas políticos e outros estudiosos exaurem as possibilidades causais nessas áreas.
Com a visão do senso comum e preocupados com a contenção da violência e da criminalidade a qualquer preço, autoridades públicas e políticos superestimam as medidas intrumentais, as estruturas administrativas e os mecnismos de poder e de força, descartando os estudos dos especialistas.
Neste livro, o autor, mostra que, definitivamente, é fundamental priorizar a adoção de providências objetivas para que os crimes, nem sempre praticados por criminosos consumados, não ocorram. Ainda, evitando as discussões apaixonadas em torno do criminoso e das causas do crime, aponta, na sua percuciente análise, a necessidade do estabelecimento de políticas públicas - federal, estadual e local - para  o efetivo controle da criminalidade e da violência, e apresenta critérios e parâmetros para a fixação dos fins dessas políticas - hoje inexistentes no Brasil -, bem como para a ação dos organismos.

Documento sem título
Todos os Direitos Reservados Jorge Da Silva   Desenvolvido por Clandevelop